A teoria da justiça

Autor:Leonardo Cosme Formaio
Cargo:Mestrado em andamento em Direito Negocial pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Especialista em Direito em 2013 pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR). Graduado em Direito em 2009 pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).
Páginas:183-186
RESUMO

A resenha tem por finalidade apresentar, de forma ampla, a Teoria da Justiça formulada por John Rawls, consignadas em sua obra “Uma Teoria da Justiça”. Para tanto, abordada os dois primeiros subcapítulos da introdução da mancionada obra, quais sejam, “Uma Teoria De Justiça - Uma Resposta Ao Utilitarismo Clássico”, no qual é apresentado o contexto teórico no qual é formulada a teoria política do... (ver resumo completo)

 
TRECHO GRÁTIS
183
SCIENTIA IURIS, Londrina, v.23, n.2, p. 183-186, jul. 2019. DOI: 10.5433/2178-8189.2019v23n2p183
RESENHA
DOI: 10.5433/2178-8189.2019v23n2p183
RAWLS, John. Uma Teoria da Justiça. Tradução de Álvaro de Vita. São Paulo: Martins Fontes,
2008.
A TEORIA DA JUSTIÇA
THE THEORY OF JUSTICE
Leonardo Cosme Formaio1
Como citar: FORMAIO. Leonardo Cosme Formaio. A teoria da justiça. Scientia Iuris, Londrina,
v. 23, n. 2, p. 183-186, jul. 2019. DOI: 10.5433/2178-8189.2019v23n2p183. ISSN: 2178-8189
Resumo: A resenha tem por nalidade apresentar, de forma ampla, a Teoria da Justiça formulada
por John Rawls, consignadas em sua obra “Uma Teoria da Justiça”. Para tanto, abordada os dois
primeiros subcapítulos da introdução da mancionada obra, quais sejam, “Uma Teoria De Justiça
- Uma Resposta Ao Utilitarismo Clássico”, no qual é apresentado o contexto teórico no qual é
formulada a teoria política do pensador norte-americ no, à época demarcada pela predominância
da teoria da justiça utilitarista, baseada, em síntese, na maximização da divisão dos bens os quais
são escassos. Posteriormente, será tratado do contexto material social no qual fora formulada a
teoria em estudo, disposta no subcapítulo “Os Pressuposto Para Uma Teoria da Justiça, pautadas
na escassez dos recursos, na vontade innita dos agentes sociais e nas suas características, como
a racionalidade e a razoabilidade, as quais permitiriam a formulação de ns individuais e também
sociais (universais).
Palavras-Chave: Teoria da Justiça. Oposição ao Utilitarismo. Distribuição justa.
Abstract: The purpose of the review is to present, broadly, the theory of justice formulated by John
Rawls, which is contained in his work “A Theory of justice”. To this end, approached the rst two
sub-chapters of the introduction of the planned work, namely, “A Theory of justice-a response to
the classic utilitarianism”, in which is presented the theoretical context in which the political theory
of the Thinker is formulated American, at the time demarcated by the predominance of the theory
of utilitarian justice, based, in summary, on the maximization of the division of goods which are
scarce. Subsequently, it will be treated from the socia l material context in which the theory under
study was formulated, prepared in the sub-chapter “The Presupposition for a theory of justice,
guided by the scarcity of resources, the innite will of the social agents and their characteristics,
such as rationality and reasonableness, which would allow the formulation of individual and also
social (universal) purposes.
Keyword: Theory of justice. Opposition to utilitarianism. Fair distribution.
Os séculos XIX e XX, estavam ligadas aos ideais das doutrinas utilitaristas, no que
diz respeito às teorias políticas, na qual foi creditadas as respostas necessárias para a solução
dos conitos entre valores estimados em uma sociedade democrática, tais como a liberdade e a
igualdade.
Em sua obra, John Rawls apresenta a sua tese, consistente em, elaborar uma teoria
1 Mestrado em andamento em Direito Negocial pela Universidade Estadual de Londrina (UEL).
Especialista em Direito em 2013 pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).
Graduado em Direito em 2009 pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO