Introdução à 1a edição

Autor:José Fiker
Ocupação do Autor:Doutor em Semiótica e Linguística Geral (com enfâse em Laudos Periciais) pela USP
Páginas:7-8
 
TRECHO GRÁTIS

Page 7

O livro tem o intuito de fornecer aos que trabalham em perícias de engenharia, especialmente aos que nesta atividade profissional se iniciam, noções básicas de textos legais e praxes que a regem, orientação para o comportamento de peritos e assistentes técnicos, além de diretrizes para elaboração de laudos judiciais e pareceres extrajudiciais.

Para tanto, pretende conceituar, de forma sintética e em linguagem ao alcance de leigos em direito e principiantes, o que é um processo judicial e qual o papel desses profissionais no seu desenvolvimento. Discorre sobre a perícia como gênero de prova jurídica, especificando as características de suas espécies (exame, vistoria, avaliação etc.). Detalha a forma de compor laudos técnicos, explanando os pormenores da atuação de cada um. Mostra como pode ser subdivididaaestruturadeumlaudo,quaissuasprincipaisvirtudeseosvícios a serem nele evitados de maneira prática, por meio de exemplos. A dialética – descrição exata do real, segundo Marx, ou a arte do diá-logo, segundo Aurélio – deve reger a redação do laudo para conseguir expressar o pensamento do seu autor, a fim de incutir em seus leitores adequadamente seu pensamento e permitir aos magistrados aplicar o direito e compor o conflito dos interesses entre os homens.

Ao mesmo tempo, apresenta excertos de decisões judiciais, enfocando a forma como os magistrados examinam os laudos e aquilo que esperam da prova pericial; aponta os principais tipos de ações que envolvem perícias, de forma a mostrar o amplo campo profissional de atuação do engenheiro como auxiliar do Juiz.

Page 8

As análises, comentários e opiniões relativos às virtudes e defeitos dos laudos examinados e tomados como exemplos, capítulos 5 a 8, são única e exclusivamente do eng. José Fiker...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO