Apresentação

Autor:Prof. Me. Gleibe Pretti
Páginas:17-18
 
TRECHO GRÁTIS
Direito Penal do Trabalho
17
.
Apresentação
Essa obra é fruto de admiração.
Mas como assim professor? Explico.
Nunca imaginei escrever uma obra, com dois mestres no direito e na comunicação,
Joseval Peixoto e JB Oliveira. Trata-se de dois ícones não apenas pelo aspecto prossional,
mas depois de conhecê-los, a minha admiração e respeito apenas aumentaram.
Quando eu procurei o Joseval para escrever esse livro e expliquei ao mesmo qual a
ideia que poderíamos fazer, ocorreu uma empatia imediata e as ideias começaram a surgir.
Nessa mesma linha foi com o JB Oliveira.
Esses dois mestres, com a sua larga experiência, não apenas prossional, mas também
de vida, sabem as necessidades dos prossionais de direito e com esse escopo zemos esse
livro.
Vamos explicar, num primeiro momento os aspectos básicos de direito do trabalho
(anal iremos trabalhar os crimes na área trabalhista), posteriormente a representação das
partes, a organização da justiça do trabalho, ministério público, desta forma o leitor terá
base necessária para entender o próximo ponto, que são os crimes contra a organização do
trabalho e para complementar, essa obra, temos a comunicação jurídica de forma ecaz.
Sendo assim, temos um livro que busca oferecer a base para o entendimento do di-
reito e uma análise sistemática da norma, respeitando a posição enciclopédica e a natureza
jurídica dos conceitos, com o escopo de trazer uma nova visão do direito, com a praticidade
do aprendizado.
Sabemos que situações como greves, invasões das empresas e tantas outras situações,
podem ocorrer no dia a dia, desta forma o prossional do direito não pode car despreparado
para pleitear, na Justiça, o el cumprimento da lei. Esse aspecto nos faz lembrar o bordão
jurídico romano: Dormientibus non Sucurrit Ius, ou seja, o direito não socorre aos que dormem.
Desta feita, lembro-me da frase de Aristóteles, que armava: “A base da sociedade
é a justiça; o julgamento constitui a ordem da sociedade: ora o julgamento é a aplicação
da justiça”. Com essas palavras sempre, como operadores do direito, busquemos a justiça,
6159.3 - Direito Penal do Trabalho.indd 17 21/12/2018 17:12:46

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO