Evidências empíricas das taxas de desconto na avaliação de empresas no Brasil

Autor:Moisés Ferreira da Cunha, Alexandre Assaf Neto, Eliseu Martins
Páginas:21-41
RESUMO

O objetivo da pesquisa é investigar e avaliar se, na média, as projeções das taxas de desconto feitas pelas empresas brasileiras, em laudos de avaliação, são aderentes ao longo do tempo ao realizado. Foram levantadas as projeções das variáveis (Ki; Ke e WACC) nos laudos de avaliação para Oferta Pública de Aquisição de Ações (OPAs) no período de 2005 a 2009, e comparadas às médias realizadas pelos ... (ver resumo completo)

 
TRECHO GRÁTIS
DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2175-8069.2018v15n34p21
21
ISSN 2175-8069, UFSC, Florianópolis, v. 15, n. 34, p. 21-41,
jan./mar. 2018
Evidências empíricas das taxas de desconto na avaliação de empresas no
Brasil
Empirical evidence of the discount rate in the valuation of companies in Brazil
Evidencias empíricas de las tasas de descuento en la evaluación de empresas en Brasil
Moisés Ferreira da Cunha
Doutor em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo FEA/USP
Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da UFG
Endereço: Av. Boulevard Conde dos Arcos Quadra 53, lote 28 apto 404 Goiânia 2
CEP: 74663-130 Goiânia - GO Brasil
E-mail: moises.cunha2807@gmail.com
Telefone: (62) 98500-3863
Alexandre Assaf Neto
Doutor pela Universidade de São Paulo (FEA/USP)
Pesquisador do Instituto Assaf
Rua Paschoal Bardaro, 214 - Jardim Irajá
CEP: 14020 340 Ribeirão Preto SP
assaf@terra.com.br
Tel: 016 98111 8877 - 011 94811 6790
Eliseu Martins
Doutor em Contabilidade na Universidade de São Paulo
Professor Sênior do Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA/USP e do
Departamento de Contabilidade da FEA-RP/USP
Endereço: av. Oliveira Mota, 66, ap. 51 Centro
CEP: 13.990-000 E. S. Pinhal (SP) - Brasil
E-mail: emartins@usp.br
Telefone: (19) 3651.1672
Artigo recebido em 11/03/2015. Revisado por pares em 18/08/2017. Reformulado em
15/10/2017. Recomendado para publicação em 08/03/2018 por Carlos Eduardo Facin Lavarda
(Editor-Chefe). Publicado em 28/03/2018.
Moisés Ferreira da Cunha, Alexandre Assaf Neto, Eliseu Martins
22
ISSN 2175-8069, UFSC, Florianópolis, v. 15, n. 34, p. 21-41, jan./mar. 2018
Resumo
O objetivo da pesquisa é investigar e avaliar se, na média, as projeções das taxas de desconto
feitas pelas empresas brasileiras, em laudos de avaliação, são aderentes ao longo do tempo ao
realizado. Foram levantadas as projeções das variáveis (Ki; Ke e WACC) nos laudos de
avaliação para Oferta Pública de Aquisição de Ações (OPAs) no período de 2005 a 2009, e
comparadas às médias realizadas pelos setores (obtidas do banco de dados Instituto Assaf) ao
longo de até dois períodos após o processo de avaliação. Para a realização dos testes das
hipóteses estabelecidas foram realizados testes de médias, em amostras emparelhadas, com
aplicação do teste paramétrico t_Student ou o teste não paramétrico de Wilcoxon. Os resultados
demonstram, basicamente, que as médias das projeções em relação ao realizado, são aderentes,
estatisticamente, para a variável: custo de capital médio ponderado (WACC). Por outro lado,
as variáveis: custo de capital de terceiros (Ki) e custo de capital próprio (Ke), mostraram
diferenças significativas das médias.
Palavras-chave: Avaliação de empresas; Taxas de desconto; Custo de capital; Modelo de
precificação de ativos de capital; Oferta pública de aquisição de ações
Abstract
The aim of this research is to investigate and to valuate if, in average, the discount rate’s
forecasts, made by Brazilian firms in evaluation reports, are adherent over time to the observed.
Forecasts of variables (Ki; Ke and WACC) have been raised in the firms’ evaluation reports
with the purpose of a Public Offer of Acquisition of Shares (POAS) from 2005 to 2009, and
have been compared to the averages observed by sector (obtained from Instituto Assaf’s da ta)
over time and for more two periods after the evaluation process. To test these hypotheses,
average tests have been done, in paired samples, applying the parametric t_Student test or the
non-parametric test of Wilcoxon. The results show that, basically, the forecasts averages
compared to the averages that have been observed, are adherent, statically, for the variable:
weighted cost of capital (WACC). By the other hand, differences of average have been found
for the variables: cost of debt capital (Ki) and cost of equity capital (Ke).
Keywords: Valuation; Discount rates; Capital cost; Capital assets pricing model; Public offer
of acquisition of shares
Resumen
La finalidad de la investigación es investigar y evaluar si, en promedio, las proyecciones de
las tasas de descuento hechas por las empresas brasileñas, en informes de evaluación, adhieren
a lo largo del tiempo al realizado. Fueron identificadas las proyecciones de las variables (Ki;
Ke y WACC) en los informes de evaluación para Oferta Pública de Adquisición de Acciones
(OPAs) en el período de 2005 a 2009, y comparadas a los promedios alcanzados por los
sectores (recolectados del banco de datos Instituto Assaf) a lo largo de hasta dos períodos tras
el proceso de evaluación. Para la ejecución de las pruebas de las hipótesis establecidas, fueron
aplicados ensayos de medias, en muestras apareadas, con aplicación de la prueba paramétrica
t_Student o la prueba no paramétrica de Wilcoxon. Los resultados demuestran, básicamente,
que los promedios de las proyecciones con relación al realizado son adherentes
estadísticamente para la variable: coste medio ponderado de capital (CMPC). Por otra parte,
las variables: coste de capital de terceros (Ki) y coste de capital propio (Ke) mostraron
diferencias significativas de los promedios.
Palabras clave: Evaluación de empresas; Tasas de descuento; Coste de capital; Modelo de
precios de activos de capital; Oferta pública de adquisición de acciones

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO