Eficiência do mercado de capitais após a adoção da IFRS no Brasil: aplicando o teste de Mishkin

Autor:Chrystian Tresman Zortea - Fernando Caio Galdi - Danilo Soares Monte mor - Aziz Xavier Beiruth
Cargo:Mestre em Administração pela Fucape Business School - Pós-Doutor em Contabilidade pela University of Arkansas - Doutor em Administração e Ciências Contábeis pela FUCAPE Business School - Doutor em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo
Páginas:141-156
RESUMO

Este estudo investiga se a eficiência do mercado de capitais brasileiro com relação à incorporação das informações contábeis aos preços se alterou após a adoção das normas internacionais de contabilidade (IFRS). Para tanto, aplica-se o teste de Mishkin (1983) visando testar a hipótese de eficiência de mercado. Os resultados indicam que para o primeiro período de análise (pré-IFRS) as variáveis... (ver resumo completo)

 
TRECHO GRÁTIS
DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2175-8069.2017v14n32p141
141
ISSN 2175-8069, UFSC, Florianópolis, v. 14, n. 32, p. 141-156,
maio/ago. 2017
Eficiência do mercado de capitais após a adoção da IFRS no
Brasil: aplicando o teste de Mishkin
Capital market efficiency after IFRS adoption in Brazil: applying Mishkin test
Eficiencia del mercado de capitales después de adopción de IFRS en Brasil: la aplicación
de la prueba Mishkin
Chrystian Tresman Zortea
Mestre em Administração pela Fucape Business School
Endereço: Rua Sofia Jacob Miertchink, n 217/103, Bairro Centro
CEP: 29645-000 Santa Maria de Jetibá/ES - Brasil
E-mail: ctzfucape@hotmail.com
Telefone: (27) 99964-0997
Fernando Caio Galdi
Pós-Doutor em Contabilidade pela University of Arkansas/USA
Doutor em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo
Professor na Fucape Business School
Endereço: Av. Fernando Ferrari, n 1358, Bairro Boa Vista
CEP: 29075-505 Vitória/ES - Brasil
E-mail: fernando.galdi@fucape.br
Telefone: (27) 4009-4444
Danilo Soares Monte-mor
Doutor em Administração e Ciências Contábeis pela FUCAPE Business School
Professor na Fucape Business School
Endereço: Av. Fernando Ferrari, n 1358, Bairro Boa Vista
CEP: 29075-505 Vitória/ES - Brasil
E-mail: danilo@fucape.br
Telefone: (27) 4009-4444
Aziz Xavier Beiruth
Doutor em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo
Professor na Fucape Business School
Endereço: Av. Fernando Ferrari, n 1358, Bairro Boa Vista
CEP: 29075-505 Vitória/ES - Brasil
E-mail: aziz@fucape.br
Telefone: (27) 4009-4444
Artigo recebido em 31/05/2016. Revisado por pares em 14/03/2017. Reformulado em
13/04/2017. Recomendado para publicação em 26/05/2017 por Carlos Eduardo Facin Lavarda
(Editor-Chefe). Publicado em 31/08/2017.
Chrystian Tresman Zortea, Fernando Caio Galdi, Danilo Soares Monte-mor e Aziz Xavier Beiruth
ISSN 2175-8069, UFSC, Florianópolis, v. 14, n. 32, p. 141-156, maio/ago. 2017
142
RESUMO
Este estudo investiga se a eficiência do mercado de capitais brasileiro com relação à
incorporação das informações contábeis aos preços se alterou após a adoção das normas
internacionais de contabilidade (IFRS). Para tanto, aplica-se o teste de Mishkin (1983) visando
testar a hipótese de eficiência de mercado. Os resultados indicam que para o primeiro período
de análise (pré-IFRS) as variáveis explicativas, componentes do lucro em t tiveram um alto
poder em inferir sobre os resultados do lucro futuro em t+1. Entretanto, com os resultados
obtidos no teste não foi possível afirmar sobre alguma mudança no cenário da eficiência do
mercado acerca das informações contábeis no mercado de capitais após a adoção dos IFRS.
Palavras-Chave: Mercado de Capitais; Finanças; IFRS
Abstract
This study investigates the efficiency of the Brazilian capital market over the merger of
accounting information to price change after the adoption of international financial reporting
standards (IFRS). We apply the Mishkin test (1983) to test the market efficiency hypothesis. The
results indicate that for the first period of analysis (pre-IFRS) the explanatory variables, income
components in t have a high power to explain the results of future income in t + 1. However,
with the results obtained in the test it was not possible to say about any change in market
efficiency scenario about the accounting information in the capital market after the IFRS
adoption.
Abstract: Capital Market; Finance; IFRS
Resumen
Este estudio investiga la eficiencia del mercado de capitales brasileño sobre la fusión de la
información contable a la variación de los precios después de la adopción de normas
internacionales de información financiera (IFRS). Nosotros aplicamos el teste de Mishkin
(1983) para poner a prueba la hipótesis de eficiencia del mercado. Los resultados indican que
para el primer periodo de análisis (pre-IFRS) que las variables explicativas, componentes de
la renta en t tienen un alto poder inferir de los resultados de rentas futuras en t + 1. Sin
embargo, con los resultados obtenidos en la prueba de que no era posible decir acerca de
cualquier cambio en el escenario de la eficiencia del mercado de la información contable en el
mercado de capitales después de la adopción de las IFRS.
Palabras clave: Mercado de Capitales; Finanzas; IFRS
1 Introdução
Um dos pilares da teoria de finanças diz respeito à eficiência de mercado e à expectativa
racional dos retornos, podendo, em tese, fornecer argumentos que possam explicar a alocação
de recursos em um determinado ativo em função das informações disponíveis (BRUNI; FAMÁ,
1998).
Identificar o grau de eficiência de mercado torna-se importante, pois, dado que, a relação
entre investidor e empresa é economicamente importante, quanto mais eficiente for o mercado
de capitais, mais acessível será para o investidor que não possui ferramentas e tempo para
analisar informações. Desta forma o mercado torna-se mais atraente, facilitando a captação de
recursos para as empresas (MOURAD; PARASKEVOPOULOS, 2012). Nesse sentido, a
modernização das regras e práticas contábeis, a criação do Novo Mercado e o CPC (Comitê de
Pronunciamentos Contábeis) tornou o mercado de capitais brasileiro um ambiente mais
propício para alocação de recursos (FORTI; PEIXOTO; SANTIAGO, 2009).

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO