• Revista Contemporânea de Contabilidade

Editora:
Universidade Federal de Santa Catarina
Data de publicação:
2011-03-11
ISBN:
1807-1821

Descrição:

A Revista Contemporânea de Contabilidade (RCC) tem por missão interagir com diferentes públicos e instituições no que diz respeito aos conhecimentos contábeis, tanto em nível nacional como internacional, divulgar e fomentar o desenvolvimento de metodologias e procedimentos nas áreas do ensino, da pesquisa e da extensão em atividades contábeis, e contribuir para a formação humana e profissional nos limites das discussões e possibilidades das Ciências Econômicas e Sócio-Aplicadas.

Documentos mais recentes

  • Editorial
  • Dimensões da importância da controladoria nas organizações: um estudo multivariado e multicritério

    O objetivo que norteou este estudo foi analisar a variabilidade nas respostas dos graduandos do curso de Ciências Contábeis sobre a importância da função da controladoria nas organizações. Para isto, adotou-se uma abordagem quantitativa com base nas perspectivas teóricas dos estudos de Borinelli (2006), a análise descritiva, a técnica multivariada análise fatorial exploratória, e a multicriterial por meio da técnica de entropia da informação. Os principais resultados indicaram que os 234 discentes do curso de Ciências Contábeis apresentaram variabilidade na percepção das atividades da controladoria nas empresas. A dimensão que apresentou maior variação foi a Dimensão 3 "Atividades e Funções da Controladoria Relativas ao Processo de Gestão" (presente nos Fatores 4 e 5). Na percepção dos respondentes as funções da controladoria estão mais relacionadas aos processos operacionais do que aos estratégicos nas organizações.

  • Nível da divulgação das informações não financeiras das empresas brasileiras participantes do projeto piloto de relato integrado

    O Relato Integrado é uma das formas usadas para a divulgação de informações financeiras e não financeiras aos stakeholders. Este estudo teve por objetivo averiguar o nível de divulgação das informações não financeiras nas empresas participantes do Projeto Piloto do International Integrated Reporting Council (IIRC). Usando a técnica de análise de conteúdo, a partir dos KPIs apresentados na Estrutura Internacional do Relato Integrado foram analisados os dados de nove empresas no período de 2013 a 2017. Os resultados sugerem que o índice de divulgação das informações não financeiras, considerando o conjunto dos quatro capitais, foi classificado como insatisfatório. Na análise individual, o capital natural e o capital social e de relacionamento apresentaram IDs satisfatórios. Já o capital intelectual apresentou índice de divulgação classificado como insatisfatório. Quanto ao capital humano, este apresentou a média do ID no limiar da divisão entre satisfatório e não satisfatório, mas acima da média de divulgação dos quatro capitais. O presente estudo contribui para a análise da do índice de divulgação dos Relatos Integrados divulgados no Brasil, principalmente relacionados ao nível de divulgação das informações não financeiras divulgadas nos relatórios, bem como de sua evolução na fase do projeto piloto de implantação da estrutura internacional de relato integrado. Os resultados da pesquisa evidenciam a falta de comparabilidade e uniformidade das informações divulgadas, tanto entre os períodos da mesma empresa, como quando comparado com as demais empresas, demonstrando necessidade de melhorar a qualidade do conteúdo e o disclosure de informações não financeiras divulgadas pelas empresas.

  • Influência do gerenciamento de resultados e da governança corporativa no custo de capital de terceiros

    O objetivo do estudo é verificar o efeito moderador do gerenciamento de resultados na relação entre governança corporativa e o custo de capital de terceiros das companhias abertas listadas na [B]3, no período de 2012 a 2017. Inicialmente foram feitas análises descritivas e posteriormente utilizou-se a técnica de dados em painel. Os resultados revelam que as empresas com maior nível de governança corporativa conseguem captar capital de terceiros a um custo menor, contudo, estas mesmas empresas quando associadas ao uso de práticas de gerenciamento de resultados tornam o custo de capital de terceiros mais elevado. De modo geral, as evidências desta pesquisa contribuem para o preenchimento de uma importante lacuna existente na literatura nacional, ao verificar que as empresas que utilizam práticas de gerenciamento de resultados anulam o provável efeito favorável da governança corporativa na redução do custo de capital de terceiros.

  • Pokémon Go!: Avaliação de ações e inovação disruptiva na indústria de entretenimento

    Esta pesquisa tem como objetivo analisar o impacto do anúncio do lançamento do jogo Pokémon Go! nas ações da Nintendo. O estudo se ancora em fundamentos conceituais de inovação disruptiva e em pesquisas anteriores que examinaram a reação do mercado de ações ao anúncio de inovações. De maneira provocativa, este artigo levanta a questão sobre por que um jogo voltado para crianças provocaria uma avaliação dramática das ações da Nintendo. Trata-se de uma pesquisa empírica cuja amostra é composta por 4 ativos de empresas da Nintendo negociados nos Estados Unidos, Alemanha, Suíça e Japão, além de ativos de empresas comparáveis à Nintendo que compunham o Relatório Detalhado de Estoque disponível no sistema Refinitiv® (Thomson Reuters), no momento do lançamento do jogo. Ao conduzir uma série de estudos de eventos, as ações da Nintendo negociadas nos Estados Unidos, Alemanha, Suíça e Japão apresentaram retornos anormais após um dia do lançamento do jogo. Essas descobertas provaram ser específicas dos ativos da Nintendo Corporation, sem reações semelhantes observadas na análise de avaliação por pares. Com base em cinco variáveis de retornos anormais acumulados (CARs) para todas as empresas de entretenimento listadas no Japão e controladas por fatores como rentabilidade, dívida, tamanho e valor de mercado, verificou-se que, em média, os retornos anormais acumulados da Nintendo eram significativamente maiores do que em outras empresas em todos os 5 modelos testados. Em resposta, esperamos ampliar as discussões listadas nesta pesquisa para reconhecer o lançamento do Pokémon Go! como uma inovação com características típicas da inovação disruptiva, que não foram ignoradas pelo mercado de capitais quando o jogo foi lançado em 06 de julho de 2016. Este artigo sugere que o lançamento foi provavelmente a primeira experiência de realidade aumentada testada em escala planetária e a mensagem econômica fornecida por essa experiência foi claramente capturada pelo mercado de ações global.

  • Gerenciamento por decisões operacionais: alternativa para evitar reportar prejuízos

    O objetivo desse trabalho foi verificar se as empresas brasileiras listadas na Brasil, Bolsa, Balcão [B]3 utilizaram-se do gerenciamento de resultados por atividades reais para evitar reportar prejuízos. A amostra é composta por 157 empresas brasileiras de capital aberto, somando 1570 observações no período de 2008 a 2017. Utilizou-se o modelo de Roychowdhury (2006) para mensurar o gerenciamento de resultados. Para a análise dos dados, utilizaram-se os modelos de regressão linear múltipla. Quanto aos resultados, evidenciouse que o gerenciamento de resultado baseado em decisões operacionais foi confirmado nas empresas que apresentaram margem de lucro entre 0 e 1%.

  • Impactos da adoção das international financial reporting standards (IFRS) nos indicadores econômico-financeiros de instituições financeiras brasileiras

    O objetivo desta pesquisa é avaliar os impactos da adoção das IFRS (IAS 7, IAS 19, IAS 32 e IAS 39) nos indicadores econômico-financeiros de instituições financeiras brasileiras, por meio dos indicadores de solvência, estrutura patrimonial e de captação, e de rentabilidade. O método utilizado foi comparar os resultados referentes ao ano de 2009 e que tiveram suas demonstrações financeiras publicadas de acordo com as normas BR GAAP e IFRS. Foram comparadas as médias de cada um dos indicadores econômicofinanceiros, calculados em ambos os padrões contábeis e para identificar se as diferenças encontradas eram significativas foi aplicado o teste Mann Whitney. Como teste de robustez foram comparadas as proporções de variações positivas e negativas dos indicadores analisados e para identificar se as diferenças eram significativas foi aplicado o teste chi-quadrado. Os resultados encontrados sugerem que o ajuste ao valor recuperável de empréstimos e adiantamentos e o ajuste ao valor justo de ativos financeiros influenciaram para que a carteira de crédito e o patrimônio líquido das instituições financeiras analisadas apresentassem de maneira geral valores maiores quando demonstradas em IFRS, o que elevou os indicadores Independência Financeira; Empréstimos/Depósitos e reduziu os indicadores Alavancagem; Participação dos Empréstimos; Retorno sobre o Patrimônio Líquido. Não foi possível constatar nenhuma diferença significativa, provavelmente devido a pequena amostra trabalhada. Esta pesquisa pretende ter contribuído para aprimorar o entendimento dos impactos do processo de convergência da contabilidade das instituições financeiras brasileiras, que por muitas vezes são excluídas das pesquisas por suas particularidades, para o padrão internacional; bem como, para auxiliar os gestores de negócios e os usuários da informação financeira, especialmente aqueles oriundos do mercado de capitais, as autoridades reguladoras e a academia.

  • Economias de escala nas entidades fechadas de previdência complementar brasileiras: existe um tamanho ótimo?

    A pesquisa investigou a existência de um tamanho ótimo para a operação das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPC) brasileiras, com base em suas despesas administrativas. Em outras palavras, foi verificado se os fundos de pensão brasileiros gozariam de economias de escala até um determinado ponto, a partir do qual, a complexidade das grandes estruturas passaria a provocar deseconomias de escala. Como pano de fundo foi utilizada a teoria da organização industrial com enfoque nas barreiras à entrada. Os resultados comprovaram que as despesas administrativas das EFPC se comportam na forma de "U", o que significa que existe um tamanho ótimo para operação dessas entidades. Esse achado fornece importantes elementos que podem subsidiar o órgão regulador do setor a restringir a entrada de novos fundos nesse mercado, o que traria benefícios a todos os participantes das EFPC em termos de redução de custos e ampliação da poupança previdenciária.

  • Análise da influência do audit delay no retorno das ações e no custo da dívida de empresa brasileiras de capital aberto

    No contexto da importância da informação contábil às principais fontes de recursos das empresas, o objetivo do estudo foi analisar o impacto do tempo (audit delay) na divulgação das demonstrações contábeis (DFPs) para investidores e instituições bancária. A pesquisa considerou empresas brasileiras de capital aberto no período trimestral de 2010 a 2017, via testes de correlação, diferença de média, regressão com dados dispostos em painel e quantílica. Os resultados indicaram haver reações distintas entre investidores e bancos, ou seja, o audit delay não apresentou impacto negativo no retorno das ações, mas foi negativo em termos de custo da dívida. Isso sugere que investidores e bancos apresentam percepções diferentes acerca do audit delay das DFPs. Assim, o estudo indica para as empresas a necessidade de refletir quanto ao custo de oportunidade de maior audit delay das DFPs, principalmente quando o objetivo é financiamento via instituições bancárias.

  • A influência da accountability na capacidade estatal, na alocação dos recursos públicos e no desenvolvimento socioeconômico em municípios brasileiros

    O artigo teve por objetivo verificar a influência da accountability e da capacidade estatal na alocação dos recursos públicos e no desenvolvimento socioeconômico em municípios brasileiros. Ao adotar a capacidade estatal como um interveniente dessa relação, forma-se um sistema em que se entende que a accountability (no conceito geral), e o controle (de forma específica), influenciam a capacidade municipal. Esta, por sua vez, elabora o orçamento e aplica os recursos atendendo tanto a legislação fiscal, quanto a demanda social e, assim, gera resultados positivos para a sociedade. Para tanto, foi elaborado um índice de Capacidade Municipal a partir de uma análise fatorial e aplicado sobre a Modelagem de Equações Estruturais. Os resultados, assim, provam que a capacidade é influenciada pela accountability e influencia a alocação dos recursos públicos.

Documentos em destaque