• Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação

Editora:
Universidade Federal de Santa Catarina
Data de publicação:
2011-03-10
ISBN:
1518-2924

Descrição:

Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação tem como missão difundir o conhecimento novo e inovador em Biblioteconomia, Ciência da Informação, Arquivologia e áreas correlatas abrangendo interesses técnico-tecnológicos e humano-sociais. Está direcionada para pesquisadores, docentes, discentes e demais profissionais. Recebe originais inéditos de artigos em Biblioteconomia, Ciência da Informação, Arquivologia e áreas correlatas resultantes de pesquisa científica; originais de ensaios de carater teórico fundamentados em revisão de literatura; resenhas de livros de edições recentes.

Documentos mais recentes

  • Teses e Dissertações relacionadas às pessoas com deficiência na área de Ciência da Informação no Brasil no período 2000 a 2018

    Objetivo: Apresenta a evolução da produção científica relacionada às pessoas com deficiência na área Ciência da Informação no Brasil no período de 2000 a 2018. Método: Pesquisa de caráter descritivo e exploratório com abordagens quantitativa e qualitativa. Utiliza como base para recuperação da produção científica a ser examinada o Catálogo de Teses de Dissertações da Capes. O objetivo geral é analisar o panorama da produção de teses e dissertações na área de ciência da informação no Brasil quanto a temáticas em torno das pessoas com deficiência. Resultados: Constatou-se que de 2000 a 2003 não houve nenhuma produção científica, sendo defendido o primeiro trabalho apenas em 2004, mantendo-se uma média de um a três trabalhos até 2012 e um avanço na produção a partir de 2013, possivelmente devido ao incremento de debates e maior visibilidade da questão nos anos anteriores no contexto de eventos e da aprovação de legislação federal específica bem como da divulgação de elevado índice de pessoas com deficiência no Brasil, conforme o Censo de 2010. Conclusões: A instituição com maior produtividade na área é a Universidade Federal da Paraíba, com sete produções e a Universidade de Brasília, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita e Universidade Federal de Minas Gerais, com seis estudos cada. Pesquisadores oriundos da biblioteconomia e estudos voltados para deficientes visuais representam aproximadamente 50% das defesas respectivamente.

  • Os resumos e suas especificidades em periódicos brasileiros da Ciência da Informação

    Objetivo: O resumo, representação da informação registrada no texto que o originou, configura-se como um instrumento valioso para a recuperação de conteúdos nas mais diversas áreas do conhecimento. Assim, compreendendo-se o papel informativo desse microtexto, propôs-se analisar as diretrizes estabelecidas para o desenvolvimento de resumos de artigos em periódicos científicos concernentes à Ciência da Informação. Método: Fundamentado em pesquisa exploratória qualitativa e aporte teórico pautado em pesquisas bibliográficas e documental, deu-se a análise de diretrizes para a elaboração de resumos de artigos em 24 publicações nacionais da área da Ciência da Informação. Resultado: Nesse sentido, observou-se que, embora existam pontos de convergência entre as recomendações das revistas consultadas, a introdução, a contextualização do assunto ainda não faz parte das exigências editoriais. Conclusões: Por meio das análises realizadas evidenciou-se a necessidade de esforços em direção à padronização, como por exemplo, na explicitação da demanda por resumos estruturados, objetivando-se em última instância, facilitar o processo de busca, recuperação e uso da informação.

  • Linguística Documental Espanhola no Brasil: uma leitura crítica

    Objetivo: Analisar as contribuições da linguística documental via García Gutiérrez para os estudos da linguística documental desenvolvidos no Brasil. Pretende identificar as aproximações entre o contexto espanhol e o brasileiro, destacando os possíveis subsídios das perspectivas traçadas no âmbito da Ciência da Informação Brasileira. Método: Orienta-se pelo levantamento da produção bibliográfica em anais e bases de dados nacionais (Enancib e Brapci) e internacionais (ISKO Espanha/Porto e Dialnet) com o intuito de identificar os autores da linguística documental. Destaca, do lado espanhol, as contribuições de García Gutiérrez e, do lado brasileiro, a proposta que tem sido desenvolvida por Lara, entre os autores que manifestam a visão brasileira desse intento disciplinar. Resultado: A documentação, no âmbito espanhol ou da Ciência da Informação brasileira, tem a função de sistematizar as informações de determinada áera do conhecimento. Os problemas documentais aproximam-se da linguística com a intenção de constituir uma teoria documental, todavia com a autonomia do seu objeto de investigação. A linguística documental é apresentada como uma disciplina formada a partir do diálogo da documentação com a linguística. Conclusões: Notamos uma inclinação para algumas perspectivas das vertentes francesas e inglesas, embora consideramos que os poucos pesquisadores brasileiros se esforçam para fazer uso de teorias e conceitos de acordo com suas realidades a fim de superá-las. O fato é que o termo utilizado para analisar os processos documentais é "análise documental", terminologia que comprova a carência de estudos da linguística documental na Ciência da Informação brasileira.

  • Proposta de modelo para análise das influências intelectuais dos bolsistas de produtividade (PQs) do CNPq

    Objetivo: Propõe um modelo de análise das influências intelectuais dos Bolsistas de Produtividade (PQs) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) a partir de estudos de citação visando colaborar com pesquisas que optem por um olhar investigativo quanto aos referentes acadêmicos seminais que mais influenciam no aspecto formativo de uma área de conhecimento em nível nacional. Método: Quanto aos fins se caracteriza como um estudo metodológico, do qual resulta também um estudo propositivo por modelar o processo de análise de um conjunto específico de atores sociais, neste caso, PQs. Resultado: Proposta do modelo, composto de cinco elementos constitutivos (agentes, registro de influência intelectual, fontes de informação, tempo, e ferramentas tecnológicas) e oito etapas de execução: a) Identificação dos Agentes, b) Coleta de Dados (Currículo Lattes), c) Coleta de dados nas Fontes de Informação, d) Padronização dos Dados, e) Processamento dos Dados, f) Categorização temática dos teóricos seminais, g) Gerações de grafos e redes sociais, e h) Análise das relações identificadas. Realiza uma aplicação do modelo na área de CI no Brasil considerando como agentes da pesquisa vinte e três PQs com bolsas de categorias sênior e nível 1A, 1B, 1C, e 1D, e demonstra possibilidades de aplicabilidade. Conclusões: Confirmam-se os cinco elementos constitutivos nessa proposta concernentes ao contexto científico de produção do conhecimento, aplicáveis em diferentes áreas do saber. Todavia, se reconhecem limites quanto à abrangência da proposta, devido às especificidades de cada campo científico. Assim, poderão surgir dificuldades para adequação ou adaptação de conceitos e técnicas mais usuais na CI, como por exemplo, domínios do conhecimento, estudos de citação, e a prática de realizar categorizações temáticas, bem como trabalhar com métricas informacionais.

  • Informação, Verdade e Pós-Verdade: uma crítica pragmaticista na Ciência da Informação

    Objetivo: O artigo procura destacar os critérios de verdade contidos nos processos informacionais, tanto os científicos, abarcados pela Ciência da Informação, como os que circulam nas representações dos fatos na sociedade, e indicar o uso do método pragmático para manter a Ciência da Informação (CI), como provedora da comprovação verdadeira da realidade, demonstrada cientificamente. Dada a disseminação de conteúdos nas redes que fazem parte da internet e são chamados informação sem a devida correlação com os fatos, deve-se elencar elementos dentro do campo científico para entender estes conteúdos, que tendem a ser aceitos como verdadeiros sem esta comprovação pelos grupos sociais. Método: A verificação da atuação dos usuários em rede de computadores noticiada como informação, assim como a abordagem na CI da difusão de conhecimento dentro da sociedade são comparados para o entendimento do uso da informação. A partir da revisão bibliográfica, usada na fundamentação do Pragmatismo Peirceano, apresenta-se esta base metodológica para estrutura do argumento. Resultado: A divulgação de conhecimento científico determinado verdadeiro é o paradigma contido na CI, que deve ser estendido para as relações informacionais divulgadas para a sociedade. O conceito de informação implica nas maneiras de comunicação. Esta inter-relação da informação e seu caráter epistemológico estão implícitos no processo de significação visto no pragmatismo peirceano. A inter-relação entre mensagem e informação é parte fundamental da semiose verdadeira. A produção de inferência que produz conhecimento para o sujeito, mediada pelo signo, implica em informação. Conclusões: Cabe à CI promover o método científico de fixação da verdade, e aqui é considerada a proposta Pragmatista como aquela que dá conta de tratar tanto a verdade científica quanto a verdade dos fatos, considerados então informação.

  • Ciência-Ação em Ciência da Informação: um método qualitativo em análise

    Objetivo: Apresenta uma reflexão crítica sobre a construção de conhecimento científico, com uso do método pesquisa ação na Ciência da Informação, evidenciando como este método vem sendo utilizado nos estudos sobre competências em informação no Brasil e no Exterior. Apresenta discussão pioneira no campo da Ciência da Informação sobre os tipos ou formas de se trabalhar este método, com ênfase na Ciência-Ação. Método: Metodologicamente, consistiu em uma pesquisa de natureza qualitativa, de abordagem interpretativista, que utilizou as técnicas de pesquisa bibliográfica e análise documental. Foram identificados 27 artigos nacionais e 19 artigos internacionais pertinentes à pesquisa-ação, publicados no período de 2008 a 2018, e recuperados pelo Portal de Periódicos da Capes. Resultado: Verificou-se que a pesquisa-ação é utilizada em estudos com propósitos diversificados, a exemplo da elaboração de tesauros, tutoriais, modelos, políticas de desenvolvimento de coleções, programas de competências em informação e políticas de informação. Enquanto método de pesquisa qualitativo, identificou-se que há cinco tipos ou formas de se trabalhar a pesquisa-ação, a saber: tradicional, contextual, educacional, radical e action science ou ciênciaação. Contudo, não há indícios que o método de pesquisa-ação do tipo action science tenha sido abordado no campo da Ciência da Informação no Brasil. No Exterior há apenas dois trabalhos com características aproximadas. Conclusões: Contribui com o campo científico apresentando a definição, origem e as características da Ciência-Ação, discutindo a viabilidade e o potencial de uso desse método no campo da Ciência da Informação e em uma pesquisa de Tese em andamento.

  • Disseminação, compartilhamento e apropriação da informação no Youtube: uma análise do canal LGBTQ 'Põe Na Roda

    Objetivo: Ao abarcar o contexto histórico-social de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Queer (LGBTQ), compreende-se a existência de dimensões de visibilidade, via espaços físicos e virtuais, onde o fortalecimento de uma identidade trafega a ideia de movimento enquanto comunidade. Logo, este estudo investigou as maneiras pelas quais o canal do YouTube "Põe na Roda" trabalha com a disseminação da informação para a apropriação LGBTQ. Método: Utilizou-se o método Netnografia, com abordagem qualitativa, do tipo exploratória e aplicada, com a análise do vídeo intitulado "Opção Sexual: você nasceu ou virou hétero?", a partir dos critérios de visibilidade ‘mais visualizações’ e ‘mais comentários’. Resultado: A troca da informação é percebida pelo criador de conteúdo e pelas formas de relacionamento públicoplataforma, dando ao usuário os recursos necessários ao como proceder em caso de alguma necessidade informacional relacionada ao gênero trabalhado. Fica evidente a preocupação e o comprometimento do criador de conteúdo enquanto um profissional disseminador da informação, seja na construção e no desenvolvimento dos seus vídeos, seja na manutenção de uma estrutura coerente do assunto abordado, contando que, ao mediar as informações aos seus usuários, ele se torna um pesquisador. Conclusões: O movimento LGBTQ apropria-se de informações e proporciona a troca de conhecimentos entre eles e para com o criador de conteúdo do canal analisado. Observa-se, assim, a importância de plataformas como o YouTube para a Ciência da Informação, contando que esses ambientes cumprem para com o tratamento da informação e para com a geração de conhecimento em sociedade.

  • Editorial
  • Educação a distância como ferramenta de inclusão social e digital.

    Objetivo: Apresenta a modalidade de ensino superior a distância como uma possibilidade de inclusão social e digital. A partir de 2006, com a regulamentação da educação a distância (EAD) em instituições federais de ensino superior, foi possível ter uma expansão significativa no número de vagas oferecidas, e a EAD, antes vista como uma educação marginalizada e sem reconhecimento, agora se apresenta como uma possibilidade concreta de uma educação de qualidade. O objetivo do artigo foi identificar como o acesso aos cursos de ensino superior a distância pode contribuir no processo de inclusão social e digital de pessoas residentes em pequenas cidades do Nordeste. Método: Realizou-se uma pesquisa direta por meio de um estudo de caso com 42 ingressos do curso de licenciatura em Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba. O instrumento de coleta de dados foi um questionário online misto (com perguntas fechadas e abertas), adotando-se uma amostra por conveniência. Resultado: Evidencia-se que a EAD pode se tornar uma das opções mais adequadas para algumas pessoas que possuem fatores limitantes, como trabalho em tempo integral, ausência de tempo para dedicação exclusiva a graduação presencial ou residem em locais que não possuem proximidade com as universidades públicas tradicionais. Conclusões: Os estudantes ainda percebem que há preconceito ou discriminação da sociedade por realizarem um curso a distância, mas reconhecem que se sentem socialmente incluídos, esperam ser incorporados pelo mercado de trabalho e não acreditam que haja distinção das empresas em relação a EAD.

  • Arte rupestre en Colombia: análisis cienciométrico

    Objetivo: Analisar a literatura sobre arte rupestre colombiana com aplicação do modelo de difusão das inovações de Bass. Método: Foram coletados os documentos publicados sobre este assunto com buscas de múltiplas combinações booleanas usando palavras-chave em espanhol e inglês em bases de dados bibliográficas, repositórios e catálogos de bibliotecas. As referências bibliográficas encontradas foram exportadas para uma base de dados bibliográfica desenhada em EndNote (Versión X8). A análise dos dados foi realizada com Microsoft Excel para obter a demografia da literatura e foi utilizado o modelo de Bass para encontrar a taxa de adotantes desta literatura. Resultado: Foram encontradas 303 publicações produzidas por 217 autores diferentes desde 1853 até novembro de 2018. A literatura da arte rupestre colombiana tem-se espalhado sob a forma de artigos (34%), páginas da web (19%) e livros (17%) escritos, principalmente, em espanhol (80%). O coeficiente de inovação p (0,194%) mostra que os adotantes deste tema de pesquisa possuem um fraco fator de influência externa. O coeficiente de imitação q (24,82%) mostra que o fator de influência interna tem um impacto maior sobre os adotantes de publicações sobre o tema arte rupestre colombiano. A taxa de adoção da literatura sobre a arte rupestre estará no seu ponto mais alto por volta do ano 2049. Conclusões: O modelo de Bass estima que, quando este tema de pesquisa alcançar 923 pesquisadores que escrevam e publiquem sobre este assunto, esta temática terá alcançado sua maturidade e começará a declinar, ou a se transformar.

Documentos em destaque